Casas De Apostas Na Holanda: Mercado Com Novas Regulamentações

Compartilhe com seus amigos:

Casas de Apostas na Holanda

O SBC News publicou uma reportagem com um representante oficial do setor de regulamentações de casas de apostas na Holanda.

René Jansen foi entrevistado a respeito da decisão que o governo holandês teve no ano passado, 2021, de liberar a atuação de casas de apostas em seu território.

René menciona que em 2021 a legalização das casas de apostas foi um acerto, pois foi uma política que tirou o monopólio do mercado negro de apostas. Porém,  para que a população holandesa esteja “totalmente protegida”, mais regulamentações são necessárias no mercado.

Acompanhe o resumo da entrevista a seguir.

casas-de-apostas-na-Holanda

Situação do Mercado de Casas de Apostas na Holanda

A legalização das casas de apostas na Holanda está  vigente desde o dia primeiro de Outubro de 2021. Apesar dos grandes montantes arrecadados pelo mercado, muitas questões sociais estão sendo levantadas.

As maiores preocupações, segundo René Jansen, estão com os menores de idade e pessoas com estado psicológico vulnerável. Segundo o representante, estes dois grupos têm acesso às apostas e a longo prazo isto causará danos à sociedade.

O principal plano para corrigir e evitar que estas pessoas tenham acesso às apostas se dará nas propagandas e anúncios. Ou seja, como o governo e as empresas privadas legalizadas na Holanda conseguem usar do seu poder de influência por imagem para conscientizar a população.

As regulamentações cobrarão responsabilidade social das marcas, e há o incentivo para que grandes nomes do esporte estejam presentes em campanhas de conscientização também.

As propagandas regulamentadas não serão só as online: há também a menção de transmissões de televisão como fator de grande influência.

As regulamentações que foram impostas em 2021 fizeram o governo holandês conseguir multar as empresas ilegais em mais de £2 milhões.

O representante da KSA também menciona que há atualmente 11 empresas com licenças, operando 100% legal no país, além de novas 33 entradas de solicitações. Ou seja, há um grande interesse de empresários neste mercado, que quando regulamentado, trará um bom retorno financeiro tanto para o mercado quanto para o estado holandês.

Como o Brasil pode aprender com a Holanda?

No Brasil, parece que optamos sempre por insistir na maneira mais tradicional e fechada de tomar decisões que causarão polêmicas na sociedade. Já a Holanda, parece sempre à frente de outras nações e é sempre uma das primeiras a legalizar pautas do gênero. Lembremos que o consumo de drogas leves é legalizado na Holanda desde os anos 70.

Referente ao mercado de apostas, tanto o governo holandês quanto o brasileiro apresentam preocupação com a saúde dos apostadores, a integridade das competições e a situação econômica do mercado.

Porém, a Holanda dá o voto de confiança na população e permite que seus cidadãos utilizem os serviços disponíveis, e também que seus empresários legalizem empresas do ramo em território nacional.

O governo brasileiro, por medo de lavagem de dinheiro e romper os valores cristão, impede a legalização de casas de apostas, tanto de cassinos quanto apostas esportivas.

O resultado é que temos apostas ilegais ocorrendo por todo país e operadoras legalizadas em outras nações dominam o mercado. Ou seja, o governo brasileiro não consegue impedir a prática e ainda não arrecada um centavo sequer. Dinheiro, este, que vai todo para o investidor estrangeiro.

Uma regulamentação inteligente e liberal pode fazer toda a diferença na economia do país. Pelo menos é o que os resultados das decisões do governo holandês vêm demonstrando no setor de casas de apostas.

Conclusão

A Holanda legalizou as casas de apostas em seu território em 2021 e vem atualizando suas regulamentações desde então.

O país já conseguiu punir o mercado negro e afirma estar beneficiando os apostadores locais. Apesar disso, ainda há espaço para melhorias na legislação – melhorias estas que se dão principalmente para regulamentação da responsabilidade social das casas de apostas. Em outras palavras, investimento na educação do apostador holandês.

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações: