Nova derrota do Flamengo gera mais críticas a Ceni

Compartilhe com seus amigos:

Rogério Ceni em Derrota do Flamengo

A derrota do Flamengo neste domingo (24/01) para o Athletico-PR deixou o time mais longe do título. O tropeço por 2 a 1 caiu em cima principalmente de Rogerio Ceni, que teve a escalação e as alterações questionadas pela torcida.

Leia mais: Veja como apostar no Brasileirão

Derrota do Flamengo na 32ª rodada

A partida contra o Athletico-PR poderia ter deixado o Flamengo mais próximo do título. No entanto, uma atuação apagada e algumas alterações questionáveis de Rogerio Ceni deixaram o clube em situação delicada. Os cariocas até tiveram mais posse de bola (59% contra 51%), porém, não conseguiu transformar isso em jogadas concretas. Prova disso é que os paranaenses deram 8 finalizações contra 2 do time de Ceni.

O jogo ainda ficou marcado pelas reclamações de Gabigol por ter sido substituído para a entrada de Pedro aos 27 minutos do segundo tempo. Isso tudo aumentou ainda mais a pressão em torno do treinador, que terá que preparar a equipe para enfrentar o Grêmio na quinta-feira.

Ganhe aqui um bônus para apostar na Bet365

Ceni tem terceiro pior desempenho em 10 anos

Os números realmente mostram que o trabalho de Rogerio Ceni realmente não é bom após mais uma derrota do Flamengo. Se for considerar todos os trabalhos de 2011 até hoje, o técnico atual só consegue ter rendimento superior aos de Ney Franco (2014), que teve 14,3% e Cristóvão Borges (2015), que foi de 46,3%. Atualmente o de Ceni é de 50%. No entanto, o treinador atual tem um elenco muito superior ao que tinha os outros dois comandantes.

Gabigol e Pedro

A principal cobrança nas escalações de Rogerio Ceni é em torno da dupla Gabriel e Pedro. O técnico insiste que não treinou os dois juntos e que não vê condições disso acontecer porque nenhum dois colaboram com o sistema de marcação.

Desta forma, todas as vezes que Pedro entra em campo automaticamente Gabriel vai para campo e vice-versa. Só que para piorar, em diversas partidas Ceni colocou o jovem da base Rodrigo Muniz na tentativa de buscar a vitória. Usando assim dois centroavantes juntos, porém, com um deles que ainda não marcou no Brasileirão.

Leia mais: Dicas para apostar nos gols do Gabigol 

Outras alterações incomodam

Só que não é só a dupla de ataque que tem causado críticas ao trabalho de Rogerio Ceni. A insistência em Vitinho e Pepê principalmente são as mais questionadas. Isso sem considerar na insistência em substituir Arrascaeta em partidas que terminaram com derrota do Flamengo.

Para completar o pouco uso dos jovens da base também tem gerado reclamações. Natan, Matheusinho e Ramon que chegaram a receber elogios da torcida ficaram para trás na fila pela titularidade.

Situação no Brasileirão

Com 55 pontos, o Flamengo ainda não está totalmente fora da briga pelo título do Campeonato Brasileiro. No entanto, a missão ficou bem complicada, pois o Internacional abriu sete de vantagem. Desta forma, o Rubro-negro precisa ganhar os próximos jogos, inclusive o confronto direto, além de torcer por mais um tropeço do Colorado.

Conclusão

Para apostar no Campeonato Brasileiro a melhor opção é fazer isso na Bet365. Isso porque trata-se de uma casa completa, com muitos mercados e odds com lucros altos. Você inclusive pode faturar investindo nos jogos do Flamengo.

Leia mais: Saiba como apostar nos gols do Flamengo 

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações: