Calleri avalia momento ruim e mostra confiança para decisão contra o Atlético-GO

Compartilhe com seus amigos:

Calleri avalia momento ruim e mostra confiança para decisão contra o Atlético-GO

O São Paulo enfrenta o Atlético-GO nesta quinta-feira (1), em partida válida pela ida das semifinais da Copa Sul-Americana. Como resultado, a equipe não tem tido bons frutos nos últimos jogos, tendo apenas uma vitória nos últimos seis confrontos. Dessa maneira, o atacante Jonathan Calleri acredita que a má fase vai passar.

“Sabemos que a gente vem de alguns resultados ruins. Que estamos jogando bem, mas que não estamos conseguindo os resultados. Mas na verdade, acontece, os melhores jogadores do mundo erram gols. Eu, que não sou ninguém, outro dia errei dois gols. A gente volta chateado para casa. Acontece. Sabemos que uma hora a bola vai entrar. E que seja essa quinta-feira. Precisamos da vitória”, afirmou o atacante Calleri, para a SPFCTV, tv oficial do Tricolor.

Além disso, o camisa 9 afirmo quis o confronto é um dos mais importantes da temporada e da história recente do São Paulo. Vale lembrar que a conquista da Copa Sul-Americana garante uma vaga direta para a próxima edição da Copa Libertadores da América.

“Não tenho dúvidas de que é um dos jogos mais importantes dos últimos dez anos, porque faz dez anos que o São Paulo não ganha um título internacional. E é uma possibilidade para ter uma vaga na Libertadores, para voltar a jogar o torneio. São três jogos para o título. Dois agora na semifinal, mais uma final na Argentina, que para mim seria algo único. É um dos jogos mais importantes da minha vida, para chegar a uma final internacional”, enfatizou.

Jogo do ano?

Por fim, o argentino apelidou o confronto de “jogo do ano” e tratou de elogiar a equipe do Atlético-GO, que mesmo com novo técnico, após a demissão de Jorginho por mal desempenho no Brasileirão, conseguiu bons resultados nas copas.

“É o jogo do ano. Sabemos da importância que vamos ter para enfrentar o Atlético-GO, que tem um novo técnico. Chegou às quartas de final da Copa do Brasil, agora está na semifinal da Sul-Americana. Tem muita qualidade pelas pontas, tem jogadores de velocidade”, afirmou.

Ceni fica mesmo com derrota?

O técnico Rogério Ceni tem sofrido pressão por parte dos torcedores por conta dos últimos resultados ruins. Dessa maneira, a diretoria agiu e entrevista para o portal GE, o presidente Julio Casares fez questão de acabar com qualquer rumor sobre a saída do comandante.

– Eu respondo com a nossa atitude, de renovar com ele antecipadamente e antes de um clássico decisivo. Acho que essa atitude mostra a confiança no trabalho. O Brasil é resultadista mesmo. Tem que lembrar que o São Paulo, assim como o Flamengo, está disputando as três competições, e não é fácil esse caminho. Você enfrenta contusões, desgastes, logística de viagens. Isso não é fácil. Contra Fortaleza e Flamengo, nós jogamos bem. Se o goleiro do Fortaleza foi o melhor, é sinal de que criamos. Nossa expectativa é de que se essas bolas começarem a entrar, a gente vai melhorar no Brasileiro e nas outras competições em que estamos. Mas o Rogério é trabalhador. Não há hipótese de a gente ficar analisando pelo resultado. A avaliação é do trabalho e do planejamento.

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: