Jandrei é tratado como dúvida para partida da Copa do Brasil

Compartilhe com seus amigos:

Jandrei é tratado como dúvida para partida da Copa do Brasil

Na quinta-feira (18), o São Paulo tem compromisso válido pela Copa do Brasil. Como resultado, o time comandado pelo técnico Rogério Ceni duela contra o América-MG, pela partida de volta das quartas de final, com a vantagem de 1 a 0, obtida no primeiro confronto. Para o confronto, Jandrei ainda é tratado como dúvida.

O goleiro sofreu uma lesão na lombar na partida contra o Fluminense, válida pelo Campeonato Brasileiro, há algumas semanas. Então, tentou o retorno, visto que a princípio, se tratava apenas de dores. Mas, pouco tempo depois foi descoberta a lesão e o arqueiro começou o tratamento.

Nesta semana, o camisa 93 voltou a treinar com os companheiros e na terça-feira (16), fez todas as atividades com o restante do grupo, mas ainda está sendo tratado como dúvida. Enquanto isso, Rafinha, também lesionado, deve reunir condições de ao menos, ficar no banco de reservas.

Enquanto isso, a diretoria do São Paulo foi ao mercado em busca de um goleiro após descobrir a lesão de Jandrei e alguns nomes foram especulados, mas quem chegou, já jogou, e está sendo titular desde o primeiro compromisso contra os mineiros, é Felipe Alves.

O arqueiro foi contratado por empréstimo até o fim de 2023 e foi titular em todas as partidas desde a sua estreia, contra o Athletico Paranaense, na Arena da Baixada. Além disso, pôde ser inscrito na Copa Sul-Americana e foi o herói da classificação contra o Ceará, defendeu cobranças de pênalti.

Se Jandrei não jogar…

Todavia, o novo camisa 1 chegou ao Tricolor com o período de inscrições para a Copa do Brasil já encerradas. Dessa forma, não poderá atuar na competição nacional, bem como aos outros reforços: Marcos Guilherme, Nahuel Ferraresi e Nahuel Bustos.

Dessa maneira, caso Jandrei não reúna condições de estar em campo, o goleiro Thiago Couto deve retornar ao time titular. O jovem revelado em Cotia passou por inúmeras críticas após falavam em jogos consecutivos. Aliás, na partida de ida contra o Coelho, acabou fazendo um pênalti quando o placar estava em 1 a 0, podendo piorar sua situação no clube.

Porém, o atleta defendeu a cobrança de Iago Maidana e se tornou herói do confronto. Mas depois, não jogou mais, sendo preservado pelo técnico Rogério Ceni. Em caso de titularidade, o arqueiro pode ter mais uma boa atuação e ter sido ‘redenção’ de vez no São Paulo.

São Paulo e o equilíbrio contra mineiros

Em Minas Gerais, o São Paulo tem um retrospecto de equilíbrio total. Então, em 16 oportunidades onde a equipe teve que decidir sua continuação nas competições de mata-mata, acabou tendo êxito em metade dos confrontos.

Além disso, fazendo o recorde de decisões somente na Copa do Brasil, o equilíbrio também permanece. Em oito oportunidades, o Tricolor Paulista enfrentou Cruzeiro, América e Atlético, saindo vencedor em quatro embates de oito decididos no estado vizinho.

A melhor recordação na história do São Paulo foi o título brasileiro de 1977. Assim, na ocasião, a equipe tricolor levantou o caneco em solo mineiro, passando pelo Atlético-MG e conquistando o seu primeiro título de seis no Campeonato Brasileiro.

Por outro lado, em Belo Horizonte também amarga uma de suas derrotas mais sofridas. Como resultado, foi vencido pelo Cruzeiro, de virada, no fim da partida, na final da Copa do Brasil de 2000 e perdeu a conquista. Aliás, foi o momento em que mais perto o Tricolor chegou de vencer o torneio.

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: