Miranda descarta aposentadoria, mas deixa futuro no São Paulo em aberto

Compartilhe com seus amigos:

Miranda descarta aposentadoria, mas deixa futuro no São Paulo em aberto

Muito próximo de completar 38 anos, Miranda não pensa em se aposentar, no momento, mas ainda não sabe se seu futuro será continuar no São Paulo. O zagueiro tem vínculo até dezembro e até agora não há negociações por sua renovação.

Sendo um dos líderes do atual elenco e fazendo grandes exibições, o que era pouco provável, muito por conta de sua idade, agora voltou a ser uma possibilidade: renovar por mais uma temporada com o Tricolor.

Miranda teve um bom início nessa passagem mais recente no Morumbi, que começou em 2021 – inclusive, foi convocado para a seleção brasileira em agosto de 2021. No entanto, o rendimento, assim como todo o elenco são-paulino.

Nesta temporada, sob o comando de Rogério Ceni, o camisa 22 perdeu a posição para Diego Costa. Como resultado, passou a ser a 4ª opção para o sistema defensivo, que também tinha Arboleda e Léo. A partir desse momento, dirigentes e pessoas próximas ao zagueiro passaram a admitir a possibilidade de que ele não renovaria com o São Paulo para 2023. Contudo, a lesão de Arboleda, que teve que operar o tornozelo, abriu espaço para a retomada do veterano.

A fase mudou, Miranda se tornou um pilar da defesa tricolor. Com isso, a possibilidade de permanência passou a existir, mas a questão ainda não foi discutida como afirma o defensor.

“Estou feliz aqui, quero jogar até o fim do ano com a consciência tranquila, e vamos ver o que acontece. Pra mim não chegou nada (de propostas de outros clubes), não conversei com o São Paulo ainda. O clube tem outras prioridades no momento”, afirmou Miranda nessa semana.

“A diretoria sabe que confio nela, e a diretoria confia no meu trabalho. Não tenho pressa, vamos deixar seguir”, completou.

Vai se aposentar?

 

Quando perguntado sobre a possibilidade de se aposentar, Miranda não fugiu. Porém, deu a entender que sua carreira pode tomar outros rumo caso a renovação com o São Paulo não aconteça.

“Minha função é estar bem enquanto estiver com essa camisa”, disse ele.

Nesta quarta-feira (3), o São Paulo recebe o Ceará, às 19h15 (horário de Brasília), no Morumbi, em jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana. A partida de volta está marcada para o próximo dia 10, também às 19h15 (horário de Brasília), mas no Castelão.

+ São Paulo se reapresenta após derrota em Curitiba

 

São Paulo se representou nesta segunda-feira (1), no CT da Barra Funda, um dia depois da derrota para o Athletico-PR, em Curitiba. Os jogadores que atuaram na partida fizeram um trabalho regenerativo, enquanto os reservas foram a campo. Estiveram no gramado também Luan, Alisson, Reinaldo e Patrick, que se recuperam de lesões. 

Apesar disso, nenhum deles deve ficar à disposição do técnico Rogério Ceni contra o Ceará, quarta-feira (3), no Morumbi, na partida de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana.

Dentre os nomes que realizaram atividades no campo, a expectativa é de que Alisson possa estar presente para o jogo contra o Flamengo. O polivalente teve uma entorse no joelho direito e está fora de ação desde o jogo contra o Coritiba, no início de junho.

Foto destaque: Reprodução / São Paulo

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: