Rogério Ceni fala sobre retorno de André Anderson

Compartilhe com seus amigos:

Rogério Ceni fala sobre retorno de André Anderson

O meia-atacante André Anderson chegou como um pedido do técnico Rogério Ceni para ter mais uma opção no meio-campo do São Paulo. Todavia, o atleta não se adaptou bem aos treinos do novo comandante e com poucas partidas disputadas, acabou perdendo espaço.

Logo depois, o camisa 28 foi levado ao departamento médico alargando dores musculares e e já se completam dois meses em que o atleta não está disponível para ser relacionado para os confrontos.

Após a derrota para o Santos no último fim de semana, o técnico Rogério Ceni informou a situação do jogador e acredita que Anderson estará de volta muito em breve.

“André está se recuperando de uma pubalgia. Demora realmente, pois é uma região sensível. Acho que semana que vem já deve estar à disposição para trabalhar com o grupo. Não é uma lesão, o departamento médico tem razão; mas é algo que incomoda o jogador. E ele está fazendo fortalecimento para que volte e possa trabalhar ininterruptamente até o final do ano. É o que foi passado para mim, que essa semana próxima ele já esteja com a gente“.

Em suma, o jogador não faz parte dos planos da diretoria para a próxima temporada. Como resultado, já estão alinhando a preparação do plantel de 2023 e por falta de demonstrações do camisa 28, estudam uma devolução para a Lazio ou liberação caso haja algum interessado no atleta de 22 anos, revelado pelo Santos.

São Paulo sem o esquema de três zagueiros?

Na próxima quarta-feira (24), o São Paulo tem mais um duelo importante na temporada. Então, o time comandado por Rogério Ceni enfrenta o Flamengo, pela partida de ida das semifinais da Copa do Brasil, que acontece no estádio do Morumbi.

O time titular não terá a presença do zagueiro Miranda, que foi expulso nas quartas de final contra o América-MG, na quarta-feira passada. Dessa forma, o técnico Rogério Ceni quebra a cabeça para montar o sistema defensivo contra o Fla. Logo depois do duelo contra o Santos, onde acabou sendo derrotado por 1 a 0, na Vila Belmiro, Ceni não descartou uma mudança de esquema.

“Vamos fazer algumas escolhas, trabalhar na linha de quatro ou jogar no sistema que estamos mais acostumados. Alguns não podem jogar a Copa do Brasil. Vamos fazer uma análise”, disse Rogério Ceni.

“Amanhã já temos treinamento. Muitos que treinam amanhã são atletas que iniciam o jogo contra o Flamengo. Pela escalação deles contra o Palmeiras, também temos uma noção da escalação do Flamengo, que deve vir com força máxima para jogar com a gente”, prosseguiu Ceni.

Por fim, o técnico acredita que existe favoritismo do Flamengo, sendo muito difícil chegar do mesmo nível da equipe carioca para o confronto. Além disso, chamou o torcedor para ajudar nas arquibancadas e avisou que vai competição. Ademais, alertou que o Rubro-Negro tem o melhor time da América do Sul.

“Chegar no mesmo nível do Flamengo é difícil, mas vamos competir. Contamos com o apoio do nosso torcedor. Por mais que o Flamengo tenha o melhor time da América do Sul, vamos tentar jogar dentro da nossa casa conquistar o melhor resultado que a gente puder para o segundo jogo no Maracanã”, concluiu.

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: