Entenda por que o Boca não será punido por injuria racial até reencontro contra o Corinthians

Compartilhe com seus amigos:

Torcedor do Boca é preso após imitar macaco na partida contra o Corinthians — Foto: Henrique Toth

Conmebol abriu um novo Expediente Disciplinar contra o Boca Juniors, agora para julgar os casos de racismo registrados na Neo Química Arena no jogo contra o Corinthians pelas oitavas de final da Libertadores.

Antes mesmo da partida começar na terça-feira (28), torcedores do Boca Juniors foram pegos por filmagens fazendo gestos de macacos na arquibancada. Como resultado, três foram presos, sendo que dois já pagaram fiança de R$ 20 mil para responder o processo em liberdade.

Por conta dos trâmites de um julgamento, uma possível punição ao time argentino não acontecerá antes do jogo de volta contra o Corinthians. A partida, nesse sentido, acontecerá na próxima terça-feira (5), na Argentina.

Após o expediente ser aberto, é concedido prazo de sete dias para o clube apresentar defesa. Após o recebimento dos argumentos, os juízes levam cerca de cinco dias para tomar uma decisão, que é informada oficialmente pela entidade.

Torcedor do Boca é detido por gesto nazista no jogo contra o Corinthians — Foto: Henrique Toth
Torcedor do Boca é pego por gesto nazista no jogo contra o Corinthians — Foto destaque: Reprodução/ Henrique Toth

O primeiro caso de racismo na arena do Timão, no dia 26 de abril, ainda na 1ª fase da competição, resultou em uma punição ao Boca, mas demorou quase um mês para acontecer. A pena foi de US$ 30 mil.

Além disso, no no dia 17 de maio, o Corinthians visitou o Boca Juniors na Argentina e, novamente, foram vistos casos de racismo nas arquibancadas. A punição aconteceu no dia 25 de junho. Sendo assim, foi de 100 mil dólares – o clube pode recorrer até este sábado (2).

 

Com o empate em São Paulo, o Corinthians terá que vencer o Boca Juniors dentro do La Bombonera caso queira avançar para as quartas de final do torneio. Um empate, seja qualquer o resultado, leva a decisão para os pênaltis. As equipes se enfrentam na terça-feira (5), às 21h30 (horário de Brasília).

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: