Fábio Santos destaca competitividade do Corinthians: “Uma das mais vencedoras”

Compartilhe com seus amigos:

Fábio Santos destaca competitividade do Corinthians: "Uma das mais vencedoras"

Um dos responsáveis, se não o mais, pela vira do Corinthians sobre o Atlético-MG em pleno Mineirão, no último domingo (24), Fábio Santos foi o convidado especial do programa “Seleção Sportv” desta segunda-feira (25).

Autor dos dois gols em Belo Horizonte, o lateral esquerdo destacou a força defensiva e o espírito aguerrido da equipe, mas apontou pontos a melhorar.

“No começo, ninguém acreditava que o Corinthians fosse chegar nesse momento vivo nas três competições, e a gente está muito feliz com o que vem acontecendo e essa margem de evolução. Sabemos que pode melhorar, principalmente tecnicamente. Estamos tentando criar uma identidade nessa equipe. É uma equipe aguerrida, competitiva, difícil de ser batida. Vamos tentar melhorar essa parte técnica, principalmente ofensiva, para ver se a gente consegue bater de frente com as principais equipes”, analisou o veterano, de 36 anos.

Corinthians está brigando em três frentes. Atualmente é o 2º colocado do Brasileirão e está nas quartas de final da Copa do Brasil e da Libertadores. Para Fábio Santos, ainda assim, há adversários mais preparados do que o Timão neste momento.

“Estamos vivendo jogo a jogo, campeonato a campeonato. A gente sabe que é complicado vencer as três competições, mas queremos vender caro todas elas. Tem equipes melhores do que a gente nesse momento, mais preparadas, mas é uma equipe vencedora, competitiva, tem uma Copa do Brasil que nunca conquistei na minha carreira, então a gente vai vivendo jogo a jogo, competição a competição para ver o que nos espera no final do ano”, declarou o lateral.

Questionado sobre o fato de o time de Vítor Pereira ser o que menos finaliza no Campeonato Brasileiro, Fábio Santos respondeu.

“Não me surpreende, até porque nos anos em que joguei aqui, o único que fugiu um pouco disso foi em 2015, que era uma equipe plástica, bonita de jogar, criava situações de gol e encantava o país. Nos outros anos, sempre foi uma equipe que se defendia bem, criava poucas chances, era uma equipe cirúrgica, mais efetiva. Não me surpreende nem um pouco. Nos últimos dez anos de Brasileiro, acredito que o Corinthians teve a melhor defesa em mais da metade das edições. É uma equipe que sabe se defender muito bem, aproveitar as oportunidades que cria, por isso é uma das mais vencedoras da década”, ressaltou.

+ Leia mais: 
+ Vítor Pereira abre o jogo ao falar de Léo Natel, Vital e Ramiro
+ Negócio fechado: Argentino Juniors anuncia saída de Vera para o Corinthians

O Timão volta a campo na quarta-feira (27), diante do Atlético-GO, às 21h30 (horário de Brasília), no Antônio Accioly, em duelo de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

+ Corinthians e Caixa assinam novo acordo para pagamento da Arena

Depois da aprovação de maneira unânime pelo Conselho Deliberativo, o Corinthians assinou, no fim da noite desta segunda-feira (25), o novo acordo com a Caixa Econômica Federal sobre os pagamentos pendentes da Neo Química Arena.

O clube e a instituição financeira negociavam a ampliação na carência do pagamento do financiamento do estádio. Pelo novo acordo, o Timão não precisará pagar nada em 2022, ficando assim isento, e começará a pagar somente os juros em 2023. A partir de 2025, o clube passará a pagar também o principal (valor emprestado pelo banco).

O valor total da dívida seria de R$ 611 milhões. Destes, R$ 300 milhões serão abatidos com a receita dos Naming Rights da Arena ao longo dos próximos 20 anos, pagos pela Hypera Pharma. Como resultado, restariam cerca de R$ 311 milhões, que terão de ser pagos até 2041.

Nesses termos, o custo anual ficaria em torno de R$ 18 milhões – sem contar o reajuste anual a partir do CDI (Certificado de Depósito Interbancário, hoje em 13,25%) + 2%.

Corinthians, além disso, vai arcar com parcelas trimestrais, segundo informado na reunião do Conselho.

Corinthians e Caixa assinam novo acordo para pagamento da Arena
Corinthians e Caixa assinam novo acordo para pagamento da Arena – Foto destaque: Reprodução / Meu Timão

Por fim, vale lembrar que o empréstimo feito pelo Timão em 2013 foi de R$ 400 milhões. O Corinthians, ainda assim, não confirma os detalhes do novo acordo pelas cláusulas de confidencialidade.

Veja a nota oficial do Corinthians:

 

“O Sport Club Corinthians Paulista informa que assinou, nesta segunda-feira (25), os documentos do acordo entre o clube e a Caixa Econômica Federal para a renegociação das obrigações relativas ao financiamento para a construção da Neo Química Arena. Sua implementação será conduzida seguindo os termos e as condições contratuais.

Com sua assinatura, o presidente Duilio Monteiro Alves deu continuidade à decisão tomada pelo Conselho Deliberativo do Corinthians em reunião realizada em 27 de junho de 2022. Vale lembrar que houve unanimidade entre os conselheiros pela aprovação dos termos do acordo.”

Foto destaque: Reprodução  / Corinthians

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time:

William confirma saída do Corinthians
Corinthians
André Merice

William confirma saída do Corinthians

Os rumores sobre uma possível saída de Willian se concretizaram. O meia-atacante confirmou, na última quarta-feira (10), que deixará o Corinthians. O jogador acerta os

Leia mais »