Roger Machado demonstra confiança em Gabriel Grando após falhas

Compartilhe com seus amigos:

Roger Machado demonstra confiança em Gabriel Grando após falhas

Nesta terça-feira (28), o Grêmio venceu o Londrina na Arena por 1 x 0 após sequência incômoda de seis empates em oito jogos. A saber, o gol de Biel aos 13′ do 1º tempo garantiu os três pontos rdo Tricolor, que se firma no G4 da Série B com 25. Mas o goleiro Gabriel Grando, de apenas 22 anos, acabou falhando no jogo, e quase prejudicou a equipe. Se não fosse a intervenção do VAR, o placar poderia ter sido diferente. Assim, o técnico Roger Machado revelou que o jovem ficou cabisbaixo no vestiário. Além disso, explicou como isso mexeu com a equipe em campo. Por fim, declarou confiança no atleta.

Gabriel Grando erra em gol anulado do Londrina

Em suma, após cruzamento de falta na área, o goleiro tricolor Gabriel Grando saiu para agarrar. Mas, com a bola molhada pela chuva, ela acabou escorregando de suas mãos e indo direto no atleta rival. Assim, o jogador do Tubarão apenas empurrou para o gol gremista.

Mas a sorte de Gabriel Grando é que o VAR chamou o juíz para analisar o lance na beira do campo. Dessa forma, Marielson Alves Silva atestou que Samuel Santos tocou na bola com o braço para fazer o gol. Assim, o jogo continuou 1 x 0 para o Grêmio. Mesmo assim o técnico Roger Machado revelou que o jovem goleiro de 22 anos estava cabisbaixo no vestiário.

No vestiário ele tá um pouco de cabeça baixa. Mas faz parte. Essa segurança ele vai ter que estabilizar”, disse Roger.

Roger Machado demonstra confiança em Gabriel Grando após falhas
Gabriel Grando em ação pelo Grêmio (Foto: Divulgação / Lucas Uebel).

Além disso, Roger Machado explicou como o erro do atleta mexeu com a equipe, mesmo com a vitória parcial.

“Teve um momento ali, sobretudo depois do lance que foi anulado com o toque na mão, que a gente perdeu um pouco a tranquilidade na partida. E isso nitidamente atrapalha. Mas o bom e o positivo é que rapidamente a gente recuperou novamente a tranquilidade e a concentração que nos permitiu voltar para a partida”, explicou o técnico.

Catimba dos adversários em jogos do Grêmio

Roger Machado ainda falou sobre como esse tipo de erro pode ser um prato cheio para os adversários mexerem com o psicológico do time. De acordo com o treinador, a catimba é uma arma dos times rivais.

“É nesses momentos que o adversário vai começar a procurar se aproveitar. Eu tenho absoluta certeza que, pelo momento do ano que a gente vive, os adversário vêm e parte da sua estratégia é justamente isso. Dar uma segurada no jogo, dar uma catimbada. Até porque isso vai gerar impaciência na arquibancada, vai gerar impaciência nós jogadores e isso é uma arma contra a gente” analisou.

Roger expressa confiança em Gabriel Grando

Por fim, Roger falou que conversou com Gabriel no vestiário. Bem como acredita que o jovem goleiro é experiente o suficiente para superar esse tipo de momentos.

Eu falei no vestiário com ele, que ele vai ter que aprender a lidar com isso. O Gabriel é jovem. Mas é muito experiente já. Então hoje cabe a tristeza. Mas eu tenho certeza que amanhã ele já está de novo de cabeça erguida”, finalizou Roger.

Foto destaque: Reprodução / TV Grêmio

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: