Internacional quer contratar zagueiro em definitivo

Compartilhe com seus amigos:

Internacional quer contratar o zagueiro vitão em definitivo

Com o mercado de transferências ainda aberto, o Internacional já quer fechar em definitivo com zagueiro que está emprestado no clube. Assim, recentemente renovou o empréstimo do atleta mas, agora quer comprar o jogador.

Sendo assim, o Colorado já negocia com Shakhtar Donetsk da Ucrania. Mas, o clube ucraniano não gostou do modo que o time e o atleta tem negociado. Então, até assionou a Fifa, alegando problemas na negociação.

Inicialmente, Vitão chegou ao Inter no começo de 2022 e ja virou titular logo de cara. Então, fazendo boas atuações principalmente nas partidas pelo Brasileirão. Assim, o atleta até chegou a marcar um gol, onde ajudou o Colorado a empatar com o Juventude.

Mas o que pode dificultar o Internacional de fechar com o zagueiro?

A princípio, Vitão foi contrato por emprestimo seguindo a lei da Fifa envolvendo jogadores que fazem parte de times ucranianos e russos. Assim, como os dois paises estão envolvidos em uma guerra, a instituição decidiu que qualquer jogador que quisesse sair de seu clube poderia ir para qualquer time por empréstimo sem precisar pagar multa.

Porém, na hora de renovar o empréstimo, o Shakhtar Donetsk alegou que a estensão não era válida e pedia o retorno do atleta ao clube. Mas, o Internacional não acatou com a decisão e o jogador segue com no plantel do time gaúcho.

Além disso, o clube ucraniano afirma que não houve um acordo entre ambas as partes, o que é pedido pela Fifa. Porém, essa conversa deveria ter acontecido até o final do mês de junho. Então, começaram a se pensar se o Inter poderia levar algum tipo de punição. Entretanto, até o momento não se tem nenhuma notificação que possa afetar o time em alguma competição.

Mas , o Shakhtar agora cobra uma multa de R$ 50 milhões de euros da Fifa. o clube entrou com uma ação no TAS (Tribunal Arbitral do Esporte) para que a entidade pague este valor. O motivo é a regra sobre a suspensão do contrato do jogador para que possa se transferir para qualquer time.

Inicialmente, a regra duraria três meses. Porém, com a continuidade da guerra entre Russia e Ucrânia a entidade máxima do futebol aumentou para um ano, até junho de 2023. Sendo assim, o valor pedido pelo Shakhtar Donetsk seria para cobrir o prejuizo do clube.

Entretanto, o atleta segue jogando normalmente pelo Internacional e nas últimas partidas tem estado no banco. Mas, o treinador Mano Menezes continua o usando durante a partida, onde o considera peça fundamental do elenco.

Próxima partida do Internacional

Por fim, Vitão e seus companheiros seguem focados nas partidas do Inter na temporada. Assim, tem jogo importantíssimo na próxima quinta-feira (4), quando enfrenta o Melgar no pela ida das quartas de final da Copa Sul-americana. Porém, irá encarar uma equipe muito bem preparada, que tem apenas uma derrota em 20 partidas dentro de casa. Sendo assim, o Colorado quer trazer para casa o melhor resultado possivel para decidir no Beira-Rio junto de sua torcida a classificação para as semi-finais da competição Sul-americana.

Foto destaque: Divulgção/Internacional

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: