Jorge e Navarro já passaram da hora de irem embora do Palmeiras?

Compartilhe com seus amigos:

Jorge e Navarro já passaram da hora de irem embora do Palmeiras

Antes de tudo, o Palmeiras segue vivendo uma boa fase na temporada. No Campeonato Brasileiro, por exemplo, o Corinthians, atual vice-líder, entrou em campo no sábado (25) e ficou apenas no empate contra o Santos.

Em decorrência disso, a equipe comandada por Abel Ferreira poderia conseguir uma grande vantagem no topo.

Porém, diante do Avaí, fora de casa, o Verdão não conseguiu se impor igual nas últimas rodadas e ficou no empate, mesmo ficando na frente do placar e criando oportunidades para “matar” o jogo.

Em síntese, o resultado em si não é de todo ruim, se considerar o fato do time de Florianópolis ser um dos melhores mandantes do Brasileirão, porém a forma que a partida se desenhou deixou um gostinho amargo.

Abel poupa titulares e revolta torcedores

Em primeiro lugar, pensando na sequência de jogos do Verdão na temporada, Abel escalou uma equipe praticamente reserva com apenas 3 jogadores de linha titulares, Gustavo Gómez, Zé Rafael e Gustavo Scarpa.

Assim sendo, a expectativa desde o início era se distanciar dos adversários no nacional, justamente para conseguir pensar única e exclusivamente nas decisões, tanto pela Libertadores, como pela Copa do Brasil.

Banner Bônus Bet365

Entretanto, de qualquer forma, o Alviverde ainda segue no topo e com uma certa vantagem, mas precisa ficar ligado para os próximos confrontos.

Por consequência, incomodados com as atuações de alguns jogadores, os torcedores do Alviverde se manifestaram nas publicações do clube nas redes sociais. Assim, dois atletas foram os principais alvos, isto é, o lateral-esquerdo Jorge e o atacante Rafael Navarro.

Situação do Jorge

A saber, o lateral-esquerdo Jorge veio para o Palmeiras em julho de 2021, com a esperança de ser o substituto de Matias Viña, que estava de saída para a Roma da Itália.

Em resumo, o então recém contratado estava se recuperando de uma séria lesão no joelho, mas trazia muita expectativa da torcida do clube.

Sobretudo, visto a qualidade do jogador quando atuava aqui no Brasil, primeiro pelo Flamengo e depois pelo Santos. Nesse sentido, qualidade essa que levou Jorge para Europa, mais precisamente para o Mônaco da França.

Contudo, devido a lesão, o lateral só estreou no verdão três meses após sua chegada, em outubro. Portanto, em seu primeiro jogo como titular, Jorge atuou apenas no 1º tempo, sendo substituído no retorno do intervalo, por Piquerez.

Após a partida, Abel Ferreira comentou a importância de ter paciência na utilização do lateral.

“Agora, vamos ter calma e paciência, é um jogador que não tem ritmo, primeiro jogo que faz, também tem que se adaptar ao gramado sintético. Tem qualidade suficiente para representar o Palmeiras. Queremos ter dois jogadores por posição, é o que mais peço. Temos Piquerez e Jorge para disputarem durante a semana”, disse Abel.

Entretanto, o que aconteceu nos meses seguintes não foi a evolução do camisa 6 para se tornar uma sombra de Piquerez e a principal opção para substituir o uruguaio em campo.

Assim como, Jorge não consegue ganhar ritmo de jogo e em muitas partidas parece estar abaixo do restante da equipe em termos físicos.

Sobretudo, na partida contra o Avaí, o lateral-esquerdo foi considerado um dos piores em campo.

Ainda assim, se considerar sua estreia, Jorge já tem 8 meses de Palmeiras, mas não está justificando a que veio. Ou seja, que torna mais iminente a necessidade de Abel Ferreira escalar o jovem Vanderlan como substituto de Piquerez.

Situação do Navarro

De antemão, outro jogador que também está abaixo do esperado é o atacante Rafael Navarro, contratado após se destacar no Campeonato Brasileiro da série B de 2021 com o Botafogo.

Todavia, o jogador até conseguiu mostrar seu bom futebol na Copa Libertadores, onde já balançou as redes sete vezes e é o artilheiro do torneio até aqui.

Porém, a média de gols de Navarro na temporada pelo clube é de 0,21, pois disputou 33 jogos somando todas as competições.

Em suma, o último gol marcado foi no começo de maio, ainda pela Libertadores. A situação piorou ainda mais, depois que o jogador desperdiçou uma oportunidade na partida contra o Avaí, que gerou muita insatisfação dos torcedores. O jogo estava 1 x 1 quando ele perdeu a chance da virada.

Desde sua chegada o camisa 29 palmeirense foi visto como um atacante para o futuro, no entanto, a falta de uma contratação de impacto para a posição o fez ser visto como solução.

Torcedores devem ter mais paciência com Rafael Navarro e Jorge?

A princípio, o primeiro ponto é o tempo de clube de cada um e a carreira. Sendo que, Jorge tem mais experiência e vivência em grandes clubes, inclusive na Europa, fatos que fazem o atleta ter um bom salário no Verdão.

Por outro lado, Navarro chegou após disputar a série B do Brasileirão e tem qualidade para melhorar.

Aliás, é importante lembrar, que diversos jogadores já foram contestados no Palmeiras e que hoje estão no protagonismo do time, casos de Scarpa, Raphael Veiga e Rony, por exemplo.

Conclusão

Por fim, ao contrário de Jorge, que tem apenas o jovem Vanderlan para disputar a vaga na lateral-esquerda, Navarro terá grande concorrência a partir de 18 de julho, data que os contratados Miguel Merentiel e José Manuel López poderão estrear pelo Palmeiras.

De fato, Navarro não vem conseguindo aproveitar as oportunidades e poderá se tornar a terceira opção para a posição no ataque.

Foto destaque: Divulgação/Marcello Zambrana/AGIF

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time:

Banner Bônus Bet365