Vasco confirma a contratação de Fábio Gomes

Compartilhe com seus amigos:

Vasco confirma a contratação de Fábio Gomes

O Vasco confirmou a contratação do atacante Fábio Gomes, por empréstimo, até o final do ano de 2022, com opção de compra. O jovem de 25 anos vem do Atlético-MG, onde jogou desde o início desse ano. Apesar da pouca idade, o atacante rodou em alguns clubes e jogou em países diferentes.

Da base do Audax, Fábio se destacou no Oeste. Em 2019, marcou 15 gols na Série B e foi considerado a revelação do campeonato. Em 2020, jogou apenas 15 jogos e se transferiu para o Japão. O jogador não se adaptou ao país e retornou ao time paulista, mas não ficou. Apesar de seis meses no time japonês, foram 19 jogos e cinco gols.

Em 2021, se mudou para a MLS e defendeu o New York City, se destacando na liga. Foram 31 jogos, com sete gols e sete assistências, vencendo o título da Conferência com a equipe azul da cidade. O bom jogo chamou a atenção do Atlético, que o comprou para reforçar o ataque da equipe campeã brasileira de 2021.

Entretanto, Fábio não era o preferido do ex-treinador da equipe, Turco Mohamed, e ficou durante toda sua passagem por lá, no banco de reservas. Ainda assim, marcou três vezes em 16 partidas, mas não caiu nas graças da torcida. Agora, terá a chance de ajudar a equipe carioca a subir e se sair bem, continuar para a temporada 2023. Hoje, o Vasco só tem Raniel como atacante de área, já que Getúlio deixou o time, indo jogar no Japão. Eguinaldo, de apenas 17 anos, vem atuando como primeiro reserva, mas não é considerado um jogador pronto e por isso, o clube foi ao mercado para repor a saída do antigo camisa 99.

PV apresentado na manhã desta quarta (3)

Em suma, o atacante é o terceiro reforço da equipe neste meio de janela. Depois de Alex Teixeira e Paulo Victor, Fábio deverá ser apresentado nesta quinta-feira (4), o jogador já está no Rio de Janeiro. Nesta quarta (3), o lateral PV foi apresentado e falou sobre a gratidão em jogar no time que sempre torceu:

“Meu pai sempre foi muito vascaíno, passou essa paixão pra gente. Quando o Vasco foi para a Série B, passamos a acompanhar mais. Foi o primeiro título do Vasco que acompanhei. Pressão maior para mim e dentro de casa também. Jogar no Vasco é uma sensação inexplicável, amor que eu tenho pelo Vasco, apesar de afastado, nunca mudou. Espero dar meu melhor em campo, em tudo”.

Foto destaque: Reprodução/CRVG

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: