Final da Copa do Brasil: Corinthians decide no Maracanã

Compartilhe com seus amigos:

Foto destaque: Divulgação / Lucas Figueiredo / CBF

A CBF sorteou nesta terça-feira (20) os mandos de campo das finais da Copa do Brasil, entre Corinthians e Flamengo. Os jogos acontecem nos dias 12 e 19 de outubro. O Flamengo terá a vantagem de decidir o confronto em casa, no Maracanã, enquanto a ida será na Neo Química Arena.

Leia mais sobre o Corinthians:

+ Renato Augusto assume papel importante no Corinthians
+ Vítor Pereira e o planejamento do Corinthians para 2023
+ Paulinho inicia curso de gestão do futebol

O campeão da Copa do Brasil leva R$60 milhões. Em contrapartida, o vice fatura R$25 milhões. As duas equipes já acumularam R$16,8 milhões por avançarem de fase.

Veja as datas das finais da Copa do Brasil

  • 12/10 – Corinthians x Flamengo – Neo Química Arena
  • 19/10 – Flamengo x Corinthians – Maracanã

A cerimônia também contou com a presença de alguns nomes, como o do técnico Dorival Júnior e do meia Diego Ribas pelo lado rubro-negro. Pelo Corinthians, estiveram presentes o técnico Vítor Pereira e o goleiro Cássio.

Nesta edição de Copa do Brasil, os dois rivais entraram só na 3ª fase, assim como os outros times que disputaram a Copa Libertadores. O Timão passou por Portuguesa-RJ, Santos, Atlético-GO e Fluminense. Já o Rubro-Negro eliminou Altos-PI, Atlético-MG, Athletico-PR e São Paulo.

Foto destaque: Reprodução / Ronald Lincoln
Foto destaque: Reprodução / Ronald Lincoln

A final da Copa do Brasil marca algo histórico entre as equipes: será o 6º confronto no ano. São duas vitórias rubro-negras (pelas quartas de final da Libertadores) e um triunfo alvinegro (no Brasileirão). As equipes ainda se enfrentaram no returno do campeonato nacional.

+ Vítor Pereira analisa derrota para o América-MG: “Não estivemos em nosso nível”

O técnico Vítor Pereira lamentou a derrota na noite do último domingo (18) para o América-MG por 1 x 0 no Independência, em Belo Horizonte. Com o resultado, o Corinthians permaneceu na 5ª posição, pela 2ª rodada consecutiva fora do G-4 do Brasileirão.

“A primeira parte não controlamos o jogo, o adversário foi mais forte, não conseguimos ter a bola, tivemos muitas dificuldades. O 0 x 0 não espelhou o que aconteceu na primeira parte. Não estivemos em nosso nível. Na segunda parte, fizemos alterações, equilibramos o jogo, não que foi bem jogado, mas foi mais equilibrado. E sofremos um gol numa sequência de situações que não deviam acontecer, mas que aconteceram”, revelou Vítor Pereira.

Além disso, o português ligou o resultado deste final de semana ao desempenho na última quinta-feira (15), quando o Timão foi a campo com o que tinha de melhor e eliminou o Fluminense na Copa do Brasil.

“Isso é um espelho de termos feito um jogo de exigência grande há três dias, tivemos de preservar os jogadores, pois corremos riscos. Hoje não fomos capazes de dar a resposta à altura do jogo para vencer”, disse.

“Se levássemos um ponto não seria mal pelo o que apresentamos hoje”, completou.

Vítor Pereira contra o América-MG — Foto destaque: Divulgação/ Fernando Moreno/ AGI
Vítor Pereira contra o América-MG — Foto destaque: Divulgação/ Fernando Moreno/ AGI

E o Cantillo?

Dos jogadores que estiverem em campo na última quinta, Fábio Santos, Gil e Balbuena sequer viajaram, enquanto Fagner ficou no banco de reservas. Já Renato Augusto, Yuri Alberto, Du Queiroz e Vera entraram no 2º tempo… (CLIQUE AQUI PARA VER A MATÉRIA COMPLETA)

Foto destaque:

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: