Calleri nega ‘quebra de jejum: “Tenho 12 gols no Brasileirão”

Compartilhe com seus amigos:

Calleri nega 'quebra de jejum: "Tenho 12 gols no Brasileirão"

O São Paulo venceu o Ceará por 2 a 0, neste domingo (18), na Arena Castelão. Como resultado, o primeiro gol da partida foi marcado pelo atacante Jonathan Calleri, que encerrou um jejum de 35 dias sem marcar. Logo depois do confronto, o camisa 9 rechaçou a seca de tentos e relembrou os números na temporada.

“Tenho 12 gols no Campeonato Brasileiro, nos últimos oito jogos só joguei dois. Estávamos jogando três competições. Para mim, o jejum é indiferente. Quando o time ganha, quem faz os gols não importa. Precisávamos de uma vitória para subir na tabela hoje”, disse Calleri à TV Globo.

Em seguida, o atacante relembrou a final da Copa Sul-Americana, colocando o embate como o jogo mais importante do São Paulo nos últimos 10 anos. Além disso, acredita que a partida contra o Avaí será para o torcedor dar o seu apoio após a grande decisão.

“Temos mais um jogo antes do jogo mais importante dos últimos 10 anos do São Paulo. Depois dessa vitória teremos o Avaí em casa para nos despedirmos da torcida, e vamos com tudo para Córdoba, será um sonho vencer o título”, prosseguiu.

“Vai ser algo único. Vamos lotar o Morumbi dia 25, estamos com muita ilusão. Um dos jogos mais importantes dos últimos 10 anos da história do São Paulo. Quero dar a vida para ser campeão”, completou Calleri.

Ferraresi convocado

O zagueiro Nahuel Ferraresi foi convocado pela seleção da Venezuela. Estará a disposição para duelos contra Islândia, dia 22, e Emirados Árabes, dia 27. Assim, será desfalque do São Paulo contra o Avaí, pelo Brasileirão.

A partida contra o Avaí acontece no domingo (25), no Estádio do Morumbi, às 20h (de Brasília). O confronto foi antecipado pela CBF para que o time comandado por Rogério Ceni pudesse ter uma semana livre para treinamentos visando a decisão contra o Independiente del Valle, no próximo dia 1, em Córdoba, na Argentina.

Emprestado pelo Grupo City até julho do próximo ano, com opção para prorrogação por mais seis meses, o zagueiro tem ganhado espaço com o técnico Rogério Ceni. O jogador chegou e já foi titular em diversas partidas em sequência com a contusão de Miranda.

“Gostei bastante. É um jogador que tem bom passe e boa marcação. Achei que o trio de defesa, com Rafinha, Miranda e Ferraresi, fez uma boa partida. Jogaram várias vezes no mano a mano e conseguiram dar conta do recado. Foi uma boa estreia dele”, elogiou Ceni na estreia do venezuelano.

Éder fica?

O São Paulo está de olho na final da Copa Sul-Americana, tendo a oportunidade de vencer um título internacional novamente após 10 anos. Enquanto isso, a diretoria já está forte no mercado da bola projetando a próxima temporada e definindo a situação de alguns jogadores.

– Eu vejo primeiro que nós temos seis ou sete jogadores que vencem o contrato. Vai ter que ser analisado para o ano que vem como vai ser feito. De bom, eu vejo o número de garotos só que estão sendo usados e que vão ganhando experiência com jogos como esse aqui de semifinal de Copa do Brasil. Agora eu vejo como o amadurecimento de muitos. Se eu estiver aqui ano que vem, nós analisaremos, nós temos que baixar o custo da folha de pagamento – afirmou Ceni após a eliminação para o Flamengo na última quarta-feira (14).

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: