Mauro Cezar elogia luta do time do São Paulo: “Não desiste”

Compartilhe com seus amigos:

Mauro Cezar luta do time do São Paulo: “Não desiste”

O São Paulo ficou no empate em 1 a 1 contra o Cuiabá no último fim de semana. Como resultado, o Tricolor Paulista teve um homem a menos, visto que Welington foi expulso no início da segunda etapa. Assim, mesmo com 10 em campo, o time comandado por Rogério Ceni conseguiu buscar um ponto. O comentarista Mauro Cezar, elogiou a garra da equipe.

“Time do São Paulo em meio ao caos dessa semana pelo menos preserva uma característica importantíssima: luta, não desiste. Buscou o empate com menos um homem e ainda teve a chance de virar. Final, 1-1 com o Cuiabá”, escreveu o jornalista.

Logo depois, o jornalista questionou a penalidade marcada contra o São Paulo. Como resultado, o Cuiabá abriu o placar com Deyverson, logo no início do jogo.

“Esse pênalti contra o São Paulo… que coisa bizarra arbitragem de futebol nesse país”, escreveu o jornalista na conta oficial do Twitter.

Enquanto isso, o comentarista Renato Mauricio Prado foi na contramão dos elogios de Mauro e questionou o time, principalmente as escolhas do time Rogério Ceni. Aliás, durante o confronto, o treinador colocou Igor Gomes, criticado pela torcida, atuar.

“São Paulo de Ceni vai perdendo mais uma e ele resolve colocar em campo o contestadíssimo Igor Gomes. E é brindado com um revoltado coro de BURRO!”, questionou Renato Maurício Prado, via Twitter.

Neto detona Ceni

No último sábado (3), o técnico Rogério Ceni teve uma desavença com um torcedor na chegada do time em Cuiabá, para o confronto contra o time da capital, que terminou em 1 a 1. No programa “Os Donos da Bola”, o comentarista Neto questionou o fato do treinador ter ido tirar satisfações.

“Você está errado, Rogério. Quando todos os torcedores vão até o Morumbi com bandeiras, vocês não dessem para abraçá-los. Quem não é xingado e qual o direito que tem? A palavra que você falou nem deveria repetir na coletiva. Se todo mundo no estádio te xingar desse jeito, você vai xingar o estádio todo? Eu já fiz o que você fez, mas, às vezes, precisamos aprender”, disse Neto na edição de hoje do programa Os Donos da Bola, da Band.

“Muitas vezes você está como torcedor, dono do time, e não como treinador. Se ele fosse um jogador, a minha fala seria diferente, mas como comandante, se todos os jogadores foram xingados e foram embora, por que você como líder tinha que ir lá? Você devia bater palma para os jogadores”, acrescentou o apresentador.

Ceni comenta confusão com Deyverson

No empate do São Paulo com o Cuiabá, houve uma confusão no primeiro tempo e outra no segundo, envolvendo o atacante Deyverson e os jogadores do Tricolor Paulista. Aliás, na segunda etapa, o lateral-esquerdo Welington, um dos esteve no entrevero, foi expulso. Logo após a partida, o técnico Rogério Ceni falou sobre o ocorrido.

“Nosso time é jovem, tem muitos garotos, mesmo os que vem de fora. Ele é inteligente nesse sentido, bom jogador dentro de campo, tem bola aérea como ponto forte. Tem que tentar provocá-lo, eu faria isso aos 40 anos, aos 36. talvez aos 23 eu também discutiria”, disse Ceni.

“Tentaria fazer com ele o que ele tenta fazer. Ele leva o jogo do jeito dele, é menino alegre, feliz, e você tem que tentar desestabilizar para que eles fiquem com um a menos antes do que a gente fique“, completou.

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: