Abel Ferreira acredita que Brasileirão não seja decidido no campo

Compartilhe com seus amigos:

Abel Ferreira acredita que Brasileirão não seja decidido no campo

Em síntese, em todos os campeonatos os clubes brasileiros têm sofrido com as marcações erradas da arbitragem e do VAR. Portanto, as atuações da arbitragem têm sido pauta constante entre as discussões do futebol. 

Em suma, o Brasileirão também tem sido palco de discussões sobre o desempenho dos apitadores, até mesmo entre os primeiros colocados. Dessa forma, Abel Ferreira, técnico do líder da competição Palmeiras, criticou novamente, neste sábado (30), o desempenho desses profissionais e a capacidade de influenciar os resultados das partidas.

Banner Bônus Bet365

As críticas aconteceram em entrevista após a vitória por 2 x 1 do Palmeiras em cima do Ceará. Isso porque, o gol que diminuiu a diferença para o time cearense foi concretizado em um pênalti duvidoso. Sendo assim, não analisado no monitor do VAR.

O técnico reforçou ainda o peso das decisões dos juízes, já que muitos fatores estão envolvidos em uma partida de futebol.

“Fico triste, porque gostaria de ter um comportamento diferente no banco, tenho feito um esforço muito grande para me controlar, mas acontecem coisas dentro do campo que me tiram do sério, porque há muita coisa em jogo. Há títulos, prestígio, dinheiro e, acima de tudo, o nosso trabalho. Na última conferência disse que gostaria que esse campeonato fosse decidido dentro das quatro linhas por duas equipes, mas começo a ficar com algumas dúvidas. Mas vamos continuar fazendo o que controlamos”, disse o treinador.

O técnico português ainda lembrou da situação que permitiu a desclassificação do Palmeiras para as quartas de finais da Copa do Brasil, em que o time Alviverde foi prejudicado. Além disso, criticou o desempenho do apitador da partida, Anderson Daronco.

“Sinto uma mágoa dentro de mim, porque este senhor (Daronco) é um dos melhores árbitros brasileiros. Hoje ganhamos, mas poderíamos ter empatado ou perdido, já ficamos fora de uma competição por coisas que não controlamos”, continuou o treinador.

CBF monta Comissão com árbitros das Séries A e B

Por fim, a confederação detalha que montou uma Comissão com 95 juízes das Série A e Série B do Campeonato Brasileiro, com início de uma intertemporada na próxima segunda-feira.

“A CBF reitera o compromisso com a modernização e o constante desenvolvimento da arbitragem no futebol brasileiro. Na próxima segunda-feira, a Comissão inicia uma intertemporada que reunirá 95 árbitros das séries A e B do Campeonato Brasileiro. 

O treinamento será realizado entre 1º e 5 de agosto, em três sedes diferentes, e contará com trabalhos práticos em simuladores de VAR e em campo de jogo. A partir deste mês, a Comissão também realizará treinamentos práticos presenciais mensais com o quadro”, finaliza a CBF.

Abel elogia o desempenho das equipes

Em suma, o treinador elogiou o desempenho da equipe, entende que o resultado foi justo, mas disse temer que o Brasileirão possa não ser decidido dentro de campo por conta dos erros nas decisões dos juízes.

“Uma vitória justa e que poderia ter sido ainda maior, mas de qualquer maneira, dar os parabéns para o nosso adversário, porque sabíamos o quão difícil era jogar aqui e um jogo que, na minha opinião, foi a vitória da melhor equipe, que melhor jogou e que teve que sofrer um pouco no fim, mas faz parte”, disse Abel Ferreira.

O treinador acredita que o pênalti marcado foi o momento que fez o Ceará voltar ao jogo para tentar buscar o empate com um jogador a menos.

“Ficou claro para todos nós em qual foi o momento que o Ceará entrou no jogo. É algo que não controlamos. O Ceará estava morto. Ceará nem tocava na bola, nem cheirava a bola. Houve um lance que colocou o Ceará no jogo. Depois, as oportunidades que o Ceará criou, que criou aquela esperança, foi só em bolas longas ou bolas paradas para a área,” continuou Abel.

Críticas à parte, Abel fez questão de destacar a importância da vitória para o Palmeiras. No entanto, o treinador voltou a criticar a condição do gramado da Arena Castelão.

“Sabemos o quanto é importante essa vitória aqui, o quanto meus jogadores trabalharam para ganhar aqui. Fizemos uma primeira parte boa, inteligente, jogamos o melhor que podíamos neste gramado, porque é um gramado em que sempre precisamos dar três ou quatro toques. Onde a velocidade de jogo, por duas razões, porque o gramado é ruim, e porque o calor aperta, mas é para as duas equipes”, concluiu o técnico.

Por fim, com o resultado, o Palmeiras foi a 42 pontos e segue absoluto na liderança do Brasileirão. Já o Ceará para nos 24 pontos e está na 12ª colocação, dentro da zona de Sul-Americana.

Agenda – Palmeiras x Ceará

O Ceará volta a campo nesta quarta-feira (3), às 19h15 (horário de Brasília), contra o São Paulo, pelas quartas da Copa Sul-Americana. No mesmo dia, mas às 21h30 (horário de Brasília), o Palmeiras visita o Atlético-MG, pelas quartas da Libertadores.

Foto destaque: Divulgação/ Lucas Emanuel/AGIF

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time:

Banner Bônus Bet365