Jorginho fala sobre volta ao Vasco e quer ficar mais do que o contrato permite

Compartilhe com seus amigos:

Jorginho fala sobre volta ao Vasco e quer ficar mais do que o contrato permite

Na primeira entrevista como técnico do Vasco, Jorginho mostrou muita vontade de trabalhar. Decerto, com contrato até o fim do ano, o treinador tem 10 jogos pela frente para ajudar a equipe conseguir o acesso. Em 4º lugar, o Vasco tem quatro pontos de vantagem para os times de fora do G4.

Com 58 anos, é a terceira passagem de Jorginho no Vasco, onde também atuou como jogador. O lateral campeão da Copa do Mundo de 1994 tem uma bonita história no cruzmaltino, onde ganhou o Brasileiro e a Mercosul de 2000. Decerto, na primeira fala, Jorginho já disse que pretende ficar bem mais que o tempo do primeiro contato:

“Um prazer estar retornando ao Vasco da Gama. Estou muito honrado de estar de volta, feliz poder novamente estar em casa. Aqui é minha casa, joguei dois anos aqui. Fui treinador em 2015, 16 e 2018. 2015 e 16 foi um ano muito melhor do que os outros para a gente, conquista do Carioca invicto. A gente conseguiu ganhar de todas essas equipes. Uma satisfação muito grande minha, planejo ficar aqui muito tempo, quero ultrapassar o Renato, acho que são 102 jogos oficiais. Objetivo naturalmente é a longo prazo, não ficar aqui por apenas dois meses”.

Planejamento do Vasco para o futuro

Em suma, o diretor de futebol da equipe, Paulo Bracks, falou sobre o planejamento para o futuro da equipe. O comandante do futebol disse já pensar no 2023, mas que isso passa por tudo que irá acontecer ainda em 2022. São 10 jogos para o fim da Série B e o acesso, ou não, podem mudar o que será feito.

Já Jorginho, puxou o peixe para seu lado e falou mais uma vez que quer estar em 2023 no comando da equipe:

“Nós estamos na Série B hoje, a realidade do Vasco, hoje, até o início de novembro, é a Série B. A partir do fim da Série B teremos uma nova realidade, e a partir dela tudo será reavaliado. Jogadores, comissão… A diretoria trabalha com planejamento, e o nosso hoje é única e exclusivamente ascender o Vasco. Também queria agradecer, porque desde o começo a nossa conversa foi muito transparente a respeito deste objetivo. Não significa que não teremos outros objetivos com as mesmas pessoas, mas o nosso foco é o acesso. Tudo vai ser feito pelo acesso. Depois é um outro planejamento”.

Foto destaque: Reprodução/CRVG

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time: