Com 20 Grand Slams, Roger Federer anuncia aposentadoria

Compartilhe com seus amigos:

Roger Federer

Na manhã desta quinta-feira (15), Roger Federer, anunciou sua aposentadoria do tênis profissional após a Laver Cup, que acontece no dia 23 a 25 de setembro.

“A Laver Cup na próxima semana em Londres será meu último evento ATP. Vou jogar tênis novamente no futuro, com certeza, mas não em um Grand Slam ou em eventos no circuito.” – anunciou o tenista de 41 anos

Em primeiro lugar, o torneio é disputado entre os tenistas europeus contra o restante dos tenistas do mundo. Dessa forma, o ex-número um do mundo, terá ao seu lado na disputada do torneio nada menos que: Rafael Nadal, Novak Djokovic, Andy Murray, Casper Ruud e Stefanos  Tsitsipas. Já do outro lado, terá a participação de Felix Auger-Aliassime, Taylor Fritz,  Diego Schwartzman,  Alex de Minaur, Frances Tiafoe e Jack Sock.

Roger Federer: 103 títulos e 20 Grand Slams

Em primeiro lugar, Roger conquistou um total de 103 troféus na carreira e foi o primeiro tenista masculino a ter 20 Grand Slams. Atualmente, Rafael Nadal passou esse número com os títulos de Australian Open 2022 e Roland Garros 2022, são 22 Majors para o espanhol. E Novak Djokovic soma 21 troféus.

Dessa forma, a maior soma de troféus para o suíço é no torneio de Wimbledon, onde conquistou oito vezes em 2003, 2004, 2005, 2006, 2007, 2009, 2012, 2017. Na sequência, vem Australian Open com seis troféus em 2004, 2006, 2007, 2010, 2017, 2018. Já US Open, foram cinco vezes em 2004, 2005, 2006, 2007, 2008 e Roland Garros apenas uma vez em 2009.

Em suma, vale destacar também, que Federer se manteve no topo do ranking do ATP por 310 semanas.  Ele também compunha o famoso grupo “Big 3”, que eram os três primeiros do mundo Roger Federer, Rafael Nadal e Novak Djokovic. Por muitos, são considerados os maiores tenistas que na história do tênis.

Comunicado oficial de Roger Federer

“De todas as coisas boas que o tênis me deu, sem dúvida a melhor delas foram as pessoas que conheci através de meu caminho: meus amigos, meus adversários e, mais importante de tudo, todos os fãs que dão vida a esse esporte. Hoje, gostaria de compartilhar uma novidade com todos vocês.

Como muitos sabem, nos últimos três anos eu enfrentei muitos desafios em forma de lesões e cirurgias. Trabalhei duro para voltar em um nível totalmente competitivo. Mas eu conheço meu corpo e seus limites, e os sinais que ele vem me dando são claros. Estou com 41 anos, joguei mais de 1.500 partidas em 24 anos. O tênis foi mais generoso comigo do que eu jamais sonhei e tenho que reconhecer que é a hora de encerrar minha carreira competitiva.

Essa decisão é dúbia, porque eu sinto falta de tudo que o circuito me deu, mas ao mesmo tempo, há muito para celebrar. Eu me considero uma das pessoas mais afortunadas da Terra, ganhei um talento especial para jogar tênis e consegui fazer isso em um nível que nunca imaginei, por um tempo maior que jamais acreditava ser possível.

[…] Nos últimos 24 anos no circuito foram de muitas aventuras. Por um lado parece que foram apenas 24 horas, mas também foram profundos e mágicos, que parecem uma vida inteira. Tenho uma imensa sorte de ter jogado para vocês em mais de 40 países diferentes. Dei risadas, chorei, comemorei, senti dores e, mais do que tudo, me senti incrivelmente vivo. Através de minhas viagens, conheci pessoas incríveis que viraram amigos para a vida, que gastavam tempo de sua movimentada agenda para ir ver meus jogos e torcer por mim através do globo. Obrigado.

Por fim, para o esporte que é o tênis: Eu amo você e nunca vou te deixar.”

Internet demonstra carinho por Federer

Por fim, confira a reação da internet com o anuncio de Roger Federer.

Foto: Ashley Vlotman/Gallo Images/Getty Images

 

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações: