Ronaldo Giovaneli detona arbitragem de Católica x São Paulo: “Mal intencionado”

Compartilhe com seus amigos:

Ronaldo Giovaneli detona arbitragem de Católica x São Paulo: "Mal intencionado"

No programa Jogo Aberto, o ídolo do Corinthians, Ronaldo Giovaneli, comentou sobre a partida entre Católica x São Paulo. Para o ex-goleiro, Calleri só não reclamou da expulsão para não piorar a situação, visto que poderia pegar um gancho maior. Além disso, acredita que o árbitro estava mal-intencionado.

“Ele (Calleri) só olhou para o juiz porque se falasse, podia acentuar mais a situação. Todo mundo viu que o juiz estava mal-intencionado, porque nesse lance ele (Calleri) vai para o combate e o adversário nem sobe, a mão que ele deixa é para escorar. Então, não teve agressão e nem amarelo seria”, disse Ronaldo. 

Banner Bônus Bet365

Calleri fala sobre a partida e expulsão

O atacante Jonathan Calleri foi um dos principais destaques da partida. O argentino sofreu pênalti no primeiro gol, deu assistência para o terceiro e marcou o quarto. Todavia, na reta final acabou sendo expulso. Logo depois do duelo, o camisa 9 falou sobre o resultado, convocou a torcida e revelou estar bem bravo com a expulsão.

“A raça do nosso time foi incrível. Estou muito contente porque o grupo saiu muito fortalecido do Chile. Agora esperamos todo mundo no Morumbi”, disse Calleri, convocando a torcida para a partida de volta, na próxima quinta.

“Não posso jogar, estou bravo por isso, mas estarei apoiando! Vamos lutar pela classificação”, completou o atacante.

Miranda comenta vitória

Um dos principais destaques da equipe na partida, o zagueiro Miranda acredita que as expulsões atrapalharam muito o andamento do São Paulo na partida. Mas, elogiou a postura da equipe, que conseguiu o resultado positivo.

“Partida difícil, que se complicou pelos cartões. Mas, nossa equipe se manteve sólida e levamos essa vitória, uma boa vitória”, disse Miranda à Conmebol TV.

Por causa das expulsões no segundo tempo, o São Paulo terminou o jogo com quatro zagueiros: Diego Costa, Miranda, Léo e Luizão, que entrou na vaga do lateral-esquerdo Reinaldo.

Casares falou sobre a arbitragem

“Quero enaltecer a luta da nossa equipe, que fez uma grande exibição e demonstrou um enorme espírito de luta, principalmente depois que a arbitragem perdeu o controle da partida e claramente nos prejudicou”, afirmou.

O mandatário tricolor continuou o desabafo e afirmou que arbitragens como a do uruguaio prejudicam a credibilidade da competição.

“O número de cartões recebidos foi maior do que o número de faltas cometidas pelo São Paulo. Arbitragens como essa atrapalham não só o São Paulo, mas o bom andamento da competição”, concluiu.

Reforços no São Paulo

Casares esteve na Itália a convite de Abílio Diniz, que ainda não pensa em colocar dinheiro no São Paulo. Porém, a reaproximação gerou algumas conversas. No momento, Abílio tenta ajudar buscando amigos que possam investir no São Paulo ou garantir patrocínios.

Se o Abílio trouxer novas receitas, o São Paulo vai estar mais perto de buscar novos reforços. Lembrando que o Tricolor precisa de 1 goleiro, 1 zagueiro, 1 volante, 1 meia atacante, 1 atacante de velocidade e até 1 reserva imediato para o Calleri.

O São Paulo volta a campo no próximo domingo (3), contra o Atlético-GO, às 16h, (horário de Brasília) no Antônio Accioly, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro Série A. Fora de casa, o clube paulista vai em busca de uma importante vitória na competição, visto que está há três partidas sem vencer no nacional.

Foto Destaque: Reprodução / TV Band

Compartilhe como seus amigos:

Outras publicações de seu time:

Banner Bônus Bet365